Escolher uma profissão com várias possibilidades é uma opção para alcançar o sucesso. Nesse sentido, é natural procurar qual área da Engenharia de Produção ganha mais. Afinal, essa é uma das formações mais versáteis — e necessárias! — atualmente.

Embora você não deva escolher a graduação pelo salário, é interessante buscar boas posições após ter tomado sua decisão. Para ajudá-lo, trouxemos as carreiras de maiores ganho do segmento.

A seguir, veja qual área da Engenharia de Produção ganha mais e entenda em qual opção investir!

[ENIAC]_CTA_2_-_Guia_definitivo-_As_5_melhores_engenharias

Analista de PCP

Sigla para Produção e Controle da Produção, o PCP é um sistema cada vez mais utilizado nas indústrias. Envolve diversos cuidados com os suprimentos da cadeia, como a matéria-prima e outros insumos.

O engenheiro que atua nessa área tem que dar instruções claras, usar os recursos corretamente e montar um bom plano de manutenção, entre outras obrigações. O salário médio é de R$ 2,8 mil, mas alcança picos de R$ 4,2 mil.

Gerente Operacional

Cuidar das principais operações de um negócio é uma das funções mais relevantes desse profissional. Especialmente no segmento industrial, essa atuação é indispensável.

Então, o formado na área pode se tornar um Gerente Operacional. Ele deve desenvolver metas e planejamentos, além de fazer a gestão de manutenção, de pessoas, de finanças e compras. O salário médio é de R$ 6 mil, mas pode chegar a R$ 22 mil.

qual área da engenharia de produção ganha mais

Supervisor de Produção

Ao buscar qual área da Engenharia de Produção ganha mais, é quase impossível não esbarrar no cargo de Supervisor de Produção. Ele tem uma atuação panorâmica e que impacta diretamente o que a empresa entrega para seus clientes.

Ele é o responsável por analisar e ampliar a capacidade produtiva, por usar e solicitar recursos e por garantir a qualidade. É preciso equilibrar matérias-primas, investimentos e aperfeiçoamento da produção. O salário inicial fica em torno de R$ 7 mil, mas pode atingir impressionantes R$ 54 mil.

Consultor de produção

Com o ganho de experiência na função, o profissional acumula um conhecimento valioso para ajudar outras empresas. Nesse caso, pode atuar em uma consultoria.

O papel do engenheiro é identificar as características produtivas do negócio e oferecer insights e soluções para a melhoria de resultados. O salário é variável, de acordo com os clientes e projetos executados. No entanto, é comum que os ganhos mensais ultrapassem R$ 15 mil.

E os recém-formados ou sem especialização?

Não podemos ignorar quem entra agora no mercado de trabalho. Mesmo quem acaba de entrar no ramo se surpreende com qual área da Engenharia de Produção ganha mais.

Tanto os iniciantes quanto os que ainda não têm especialização ocupam a função conhecida como Engenheiro de Produção Júnior. O salário tem uma média de R$ 2,5 mil, mas pode chegar a quase R$ 7,5 mil, dependendo do tamanho da empresa.

Ao descobrir qual área da Engenharia de Produção ganha mais, você tem a chance de escolher a alternativa perfeita para as suas ambições. Assim, fica fácil tomar ótimas decisões e se preparar corretamente.

Para poder aproveitar essas e outras vagas, uma boa formação é indispensável. Conheça o curso da Eniac e veja como podemos ajudar a sua formação!