Alunos do curso técnico em Enfermagem participam da administração de vacinas contra a doença em unidades de saúde do município.

 

São Paulo, janeiro de 2018 – Alunos do curso técnico em Enfermagem do Centro Universitário Eniac, em apoio à Secretaria de Saúde, está mobilizado na campanha de vacinação contra a febre amarela em Guarulhos. Desde a última segunda-feira (15), a equipe administra vacinas e orienta pacientes no Ambulatório da Criança. Nos próximos dias, a ação será realizada também na UBS Morros.

 

“Como instituição de ensino que prepara profissionais para o mercado de trabalho, temos o dever de participar de ações que beneficiem a sociedade. Iniciativas como essa fazem parte do propósito de responsabilidade social que permeia o trabalho desenvolvido pelo Eniac desde sua fundação”, comenta Ruy Guérios, presidente do Grupo Eniac.

 

No Ambulatório da Criança, a equipe do Eniac permanece em mutirão até o dia 2 de fevereiro. O trabalho será estendido à UBS Morros, no Cocaia. “Além de contribuirmos para a imunização contra a febre amarela, propiciamos também que nossos alunos vivenciem a dinâmica que encontrarão no mercado de trabalho”, afirma Luzcena de Barros, docente responsável pela campanha.

 

A imunização preventiva dos guarulhenses teve início em 28 de outubro do ano passado. De acordo com a Prefeitura de Guarulhos, até a última sexta-feira (12) foram imunizadas 403.423 pessoas na cidade, meta 44% superior à estabelecida pela Secretaria de Estado da Saúde.

 

Apoio as unidades:

Ambulatório da Criança – R. Osvaldo Cruz, 151, Centro

UBS Morros – R. Delmiro, s/n, Cocaia

 

Quem pode se vacinar:

– Crianças a partir dos 9 meses (apresentar carteirinha de vacinação);

– Maiores de 18 anos (apresentar RG original), e

– Pessoas com mais de 60 anos (apresentar prescrição médica);

Quem não mora em área de risco, mas visitará alguma destas regiões, deve se vacinar dez dias antes da viagem.

 

Não podem se vacinar:

– Crianças menores de nove meses;

– Mulheres grávidas ou que estejam amamentando crianças com menos de nove meses;

– Doentes com câncer que fazem quimioterapia ou radioterapia;

– Pessoas com alergia a ovos ou derivados;

– Portadores de HIV ou qualquer doença que atinja o sistema imunológico, e

– Transplantados.

(Fonte: Prefeitura de Guarulhos)

 

Por: Kisley Rios

Publicado em: 17 de Janeiro de 2018

Categorias: Faculdade, Saúde, Técnico
Tags: , , , , , .