Em Guarulhos, Colégio Eniac é referência em oferecer cursos técnicos de qualidade desde a década de 80.

Pesquisa realizada pelo Senai recentemente revela que 72% dos alunos que concluem o curso técnico profissionalizante já saem com emprego garantido s, exatamente na área em que escolheram. O salário é em média 24% maior em comparação com aqueles que terminam o ensino médio. Baseado nesses números, o Colégio Eniac –  uma referência entre as instituições de Guarulhos – que oferecem cursos técnicos de qualidade espera atrair novos estudantes.

Image

“Hoje, devido ao grande número de alunos que migrando direto do ensino médio para o curso superior, os técnicos acabam fazendo falta no mercado”, informa o professor Ivo Cesar Bomfim, do curso técnico de Administração do Eniac, de Guarulhos. “Existem vagas em aberto, basta passar em frente a uma agência de emprego para constar que sempre está pedindo um técnico nas mais  diversas áreas”, acrescenta.

O professor Ruy Guérios, diretor geral do Colégio e Faculdade Eniac, lembra que “para garantir a empregabilidade, a instituição de ensino, seguindo as mudanças de rumos e vocações, também busca se adaptar a essas novidades, oferecendo cursos técnicos  e de capacitação sob medida para atender à formação e capacitação de mão de obra especializada para as empresas que estão se instalando na região”.

A pesquisa do Senai mostrou também que 42% dos que fazem carreira técnica continuam os estudos. Ivo César confirma esses dados. “Temos vários alunos que terminaram o curso técnico e hoje estão na faculdade, ou seja, começaram da parte mais baixa pelo fato de enxergarem mais uma oportunidade de evolução no emprego”, informa.

Segundo Guérios, o avanço dos cursos técnicos é notório. Hoje, são três milhões de alunos em todo país e o poder público, percebendo a necessidade de investir nesse tipo de aprendizado, também faz sua parte. Em São Paulo, por exemplo, por meio do programa Rede de Ensino Médio Técnico – Retec,  o Governo do Estado, em parceria com escolas particulares, possibilita que estudantes da 2ª série do Ensino Médio e do curso presencial de EJA (Educação de Jovens e Adultos) das escolas estaduais tenham acesso a uma formação técnica de qualidade, nas escolas particulares inscritas no programa. “O Eniac já formou 500 alunos nesse programa e mantém outros 500 em formação”, explica o diretor.

Ensino profissionalizante no Eniac – Justamente por entender que este é o caminho de capacitar profissionais para o mercado de trabalho, o Colégio Eniac, em Guarulhos, forma técnicos desde 1985 e se especializou em EPT – Educação Profissional e Técnológica ( cursos  de qualificação  profissional, técnicos e superiores de tecnologia), promovendo ascensão social e crescimento profissional para os jovens. “Assim, encurtam o caminho chegando mais rapidamente ao primeiro emprego  e, numa segunda etapa, podem custear cursos superiores e de especialização”, diz Ruy Guérios.

“O Eniac tem uma estrutura fantástica, com professores experientes tanto na docência como em empresas. Nossos laboratórios são bem estruturados para que os alunos possam ter uma idéia como realmente funciona dentro de uma empresa. Além de ter a cada módulo, apresentação do projeto integrador onde o aluno colocar em pratica tudo que aprendeu”, explica Ivo Cesar.

Além do programa Retec, o Eniac tem outros diferenciais no ensino profissionalizante, como o Ensino Médio Integrado ao Técnico, que associa em um só curso o Ensino Médio com o Ensino Técnico Profissionalizante, possibilitando ao aluno obter dois certificados simultaneamente. Segundo o professor Ivo Cesar, o estudante desenvolve uma postura ativa de aprendizado cotidiano que o prepara para prosseguir nos ensino superior e também para o competitivo mercado de trabalho. “Este curso proporciona uma formação técnica de qualidade, que mescla aulas teóricas e práticas. Práticas de laboratório, estágios curriculares e o desenvolvimento de atividades não presenciais fazem parte do curso e preparam o aluno para o desenvolvimento das atitudes e habilidades requeridas, por meio da vivência prática do conhecimento aprendido”.

Por: Eniac

Publicado em: 26 de abril de 2013

Categorias: Colégio, Faculdade.