Por que fazer Engenharia Elétrica?

Já comentamos neste espaço sobre engenharia da computação, engenharia mecânica e engenharia de produção. Agora, vamos abordar a área da engenharia elétrica, uma das mais abrangentes em relação ao mercado de trabalho.

Um engenheiro eletricista pode atuar em vários setores da economia. A começar pela construção civil, na geração, transmissão e distribuição de eletricidade em imóveis de todos os tamanhos.

Além de outros segmentos que necessitam de manutenções, planejamentos ou, até mesmo, fabricações de equipamentos, como é o caso da área de telecomunicações e transportes sobre trilhos (trem e metrô).

Engenharia Elétrica

A engenharia elétrica cresce tanto no Brasil, que, mesmo em uma situação de crise econômica no país, o governo federal, por meio do Ministério de Minas e Energia, estima investir cerca de R$ 1,4 trilhão, nos próximos anos, em energia elétrica, petróleo, gás natural e biocombustíveis. Isto de acordo com o Plano Decenal de Expansão de Energia 2024, elaborado pela própria pasta.

Esta medida fará com que a procura por engenheiros eletricistas cresça no Brasil. E durante a disputa por uma vaga no acirrado mercado de trabalho, o profissional com a graduação em uma instituição de ensino de qualidade, com certeza, levará vantagem sobre os demais concorrentes.

Salários na Engenharia Elétrica

O piso salarial de um engenheiro eletricista também pode ser considerado um fator preponderante para quem opta por estudar ou trabalhar na área.

O salário médio de um brasileiro é de R$ 2.340,00, segundo levantamento da Catho, empresa especializada em anúncios de vagas de trabalho.

Valor bem abaixo do que ganha um profissional da engenharia elétrica: entre 6 e 8,5 salários mínimos. Ou seja, aproximadamente de R$ 6 mil a R$ 8,5 mil.

Vale ressaltar que este salário é ainda mais vantajoso quando números do IBGE mostram que 54 milhões de brasileiros receberam em média, R$ 928 mensais em 2018 – menos do que um salário mínimo.

Engenharia Elétrica

Prática

Quem faz graduação de engenharia elétrica, geralmente, gosta da área e tem certa familiaridade prática com o assunto, antes mesmo de entrar na faculdade. Isto é fundamental para o desenvolvimento do profissional, pois ele consegue absorver o conteúdo da melhor maneira possível.

Por estas e outras razões, a engenharia elétrica é um dos cursos de graduação oferecidos pelo Centro Universitário Eniac. Caso queira saber mais sobre a área, venha conhecer nosso campus, em Guarulhos, e conversar com especialistas no segmento!