“Alimentos fora de Série” contra o desperdício

 

Dando continuidade ao “Projeto Fome Zero” em parceria com a startup  ALIMENTOS FORA DE SÉRIE, o Colégio Eniac promoveu no dia 05/10/2018, um encontro entre os alunos do Ensino Fundamental II (6º ao 8º anos) com a agrônoma, mestre e ex-aluna Thatiana Felski.

O tema central deste evento foi o desperdício de alimentos e a fome.

  • Você sabia que desperdício é tudo aquilo que poderia ser consumido, mas que por algum motivo acabou no lixo?
  • Você sabia que fome é não saber quando irá comer novamente?
  • Você sabia que a fome é não consumir alimentos nutritivos o suficiente para ter uma vida saudável?
  • Você sabia que existem cerca de 800 milhões de pessoas com fome no mundo?
  • Você sabia que no Brasil 41 mil toneladas de alimentos são desperdiçados por dia e que esta quantidade seria suficiente para abastecer 25 milhões de pessoas em um único dia?

Todas estas indagações foram feitas aos adolescentes, que além de exporem suas opiniões, ainda tiveram a oportunidade de ver, por meio de imagen,s que muitos alimentos são jogados fora apenas pelo fato de serem “estranhos”.

Foram sugeridas algumas medidas simples que contribuem para minimizar o problema do desperdício de alimento e também da fome:

– Evite desperdício de alimentos;

– Diversifique sua dieta;

– Coma alimentos saudáveis;

– Tome cuidado com a água;

– Recicle, etc…

No dia 16 de outubro de 2018, teremos o Dia Mundial da Alimentação.

A ONU juntamente com a FAO  está promovendo um concurso e convidando jovens de todo o mundo a se expressarem por meio de um desenho sobre a questão acima.

Os desenhos deverão ser entregues até o dia 15/10/2018.

Os ganhadores irão receber um  prêmio surpresa e também certificado de participação.

 

Existe um  provérbio que diz: Uma andorinha sozinha não faz verão. O provérbio se refere ao fato de que uma pessoa sozinha não consegue mudar coisas que estão supostamente erradas.

A nova ideia tem que ser espalhada e aceita por várias outras pessoas para que dê resultado. É algo como: “A união faz a força”.

Texto: Prof. Janete Tinte

 

Por: Miriam Barcellos

Publicado em: 11 de outubro de 2018

Categorias: Aprendizagem Ativa, Colégio, Educação, Inovação
Tags: .