Nesta terça feira teve início mais uma missão internacional do Centro Universitário ENIAC.

Desta vez, representados pelo nosso pró-reitor de ensino, o professor José Antônio Dias de Carvalho, vamos novamente para a Alemanha, conhecer ainda mais sobre a chamada 4º Revolução Industrial, um movimento que já está acontecendo, em larga escala e a toda velocidade, marcado pela convergência de tecnologias digitais, físicas e biológicas que provocam (e ainda muito provocarão) profundas mudanças em nosso modo de vida.

No primeiro dia de visita, o professor Carvalho se reuniu com representantes do Ministério Federal de Economia e Energia da Bavária, cujo objetivo é promover o desenvolvimento da economia social de mercado, impulsionar a estrutura social alemã por meio da cooperação internacional, garantindo a competitividade de sua economia por meio da inovação em infraestrutura e tecnologia através do progresso sustentável.

Foram apresentadas as startups que buscam explorar atividades inovadoras no mercado e estão intimamente conectadas com as grandes e tradicionais empresas alemãs.

Em seguida, nosso missionário conheceu a Acatech, Academia Nacional de Ciência e Engenharia, uma organização sem fins lucrativos, criadora da marca Indústria 4.0 e, que representa os interesses das comunidades científicas e tecnológicas alemãs no país e no exterior. Por meio do apoio a líderes, a Acatech promove a inovação na tomada de decisões e na sociedade. Além disso, está determinada a apoiar a transferência de conhecimento entre ciência e indústria, encorajando a próxima geração de engenheiros.

Seus representantes apresentaram os componentes da indústria 4.0: uma pequena fábrica, uma plataforma de serviços e sua infraestrutura digital. Falaram sobre internet das coisas e sobre o imenso salto que a indústria deu, passando de 2.0 para 4.0, tudo isso permeado pela transformação digital que vivemos.

Outra parte importante dessa visita foi conhecer a Universidade Técnica de Munique (TUM), fundada em 1868 e que está entre as melhores universidades da Europa. A TUM formou 13 ganhadores do Prêmio Nobel e vários inventores. Comprometida com a formação de profissionais criativos e inovadores, a universidade é um lugar constante de criação, bastante promissor para a Indústria 4.0 e com quem nosso representante estreitou contatos a fim de estabelecer parceria.

Foram feitas considerações e recomendações para implantação da indústria 4.0 no Brasil, apontando o desenvolvimento socioeconômico como fator chave para que alcancemos o mesmo nível de sucesso e como já sabemos, isto está intimamente ligado à melhoria e ampliação da educação em nosso país.

Educação esta que precisa ser renovada, ou talvez melhor seria dizer "inovada", assim como acontece aqui no Eniac, que sempre investe na inovação, colocando seus alunos, professores e colaboradores em contato direto com a mais alta tecnologia disponível, sabendo da imensa importância que isso representa na formação do profissional do amanhã.

Seguimos ansiosos por mais novidades que conheceremos através dessa missão.

Aguardem!

Ana Bondioli

Por: Ana Bondioli

Publicado em: 17 de abril de 2018

Categorias: Aprendizagem Ativa
Tags: , .