Se o Marketing representa a missão de identificar desejos não realizados, bem como definiu o guru do assunto Philip Kotler, a internet e sua vitrine de ofertas infinitas fez com que as metas de sucesso dentro do marketing fossem redefinidos.

As mídias sociais, o e-commerce e a super conectividade proporcionada pelos smartphones transformou o jeito de fazer marketing. Agora, esse tipo de trabalho e a análise de big data são apenas algumas das ferramentas que profissionais de marketing usam para atingirem o público alvo e obterem os resultados desejados.

Quais as diferenças entre o Marketing Tradicional e o Marketing moderno

É possível dizer que a principal diferença entre o marketing tradicional e o marketing moderno é a abordagem. Enquanto o marketing tradicional usa a interrupção para entrar em contato com o potencial consumidor, o marketing de permissão (ou moderno) consegue trabalhar com a permissão de quem deseja atrair.

Marketing de interrupção são técnicas como propaganda de rádio e TV, panfletos, televendas etc. Já o marketing de permissão reina na internet, com ferramentas em que o usuário permite, busca ou pede o contato porque o oferece algum conteúdo que pode ser útil. Exemplos: newsletters, e-mail marketing e blog posts.

As faces do Novo Marketing

Apesar de serem enquadrados na mesma categoria, marketing digital, marketing de conteúdo e mídias sociais são coisas diferentes. Claro que todos partem das ideias básicas do marketing tradicional e podem ter seus recursos combinados quando se elabora uma estratégia de marketing online para uma organização.

Abaixo explicamos as diferenças entre os diversos tipos de marketing, principalmente os do mundo online.

1. Marketing digital

De acordo com Vitor Peçanha, co-fundador da Rock Content, “Marketing Digital é o conjunto de atividades que uma empresa (ou pessoa) executa online com o objetivo de atrair novos negócios, criar relacionamentos e desenvolver uma identidade de marca”.

Esse novo marketing engloba estratégias como Marketing de Conteúdo, Social Media e Inbound Marketing. A ideia é fazer com que a empresa/pessoa seja mostrada nos primeiros resultados dos motores de busca, como Google ou Bing.

sucesso-no-marketing

2. Marketing de conteúdo

É uma das especialidades do Marketing Digital. Como o próprio nome diz, esse tipo de Marketing usa conteúdo de qualidade para atrair, converter, fechar vendas e satisfazer clientes.

A ideia por trás do Marketing de Conteúdo é que o cliente ou potencial cliente vai encontrar online conteúdos relevantes, que pode ser em texto vídeo, podcast etc. Como esse conteúdo será útil, ela vai associar essa experiência à empresa e, se não virar cliente de imediato, pode virar um dia ou indicar para algum amigo ou familiar.

3. Social media

Essa é a área do Marketing Digital que trabalha as redes sociais como o Twitter, o Facebook e o Instagram etc. A ideia é usar o “gancho” das mídias socias para fisgar potenciais clientes. Por mais que pareça simples, usar esses espaços para negócios requer muita estratégia e planejamento para que as mensagens alcancem o público correto.

Como ser especialista nessa área e ter sucesso no marketing?

Se você ficou interessado nesta carreira, pode cursar uma graduação em marketing e aos poucos ir se especializando em cursos oferecidos pelas próprias empresas de marketing digital.

Google, Facebook e LinkedIn, por exemplo, tem suas próprias plataformas de ensino de ferramentas de marketing digital. Essas empresas oferecem não apenas cursos muito específicos, como certificações que podem ser úteis para quem quer entrar neste mercado de nicho.

Se inscreva na nossa newsletter para receber mais dicas capazes de prepará-lo para o mercado de trabalho.